Grandes animais de lixo Passeando em Berlim. Nesta minha nova cidade “base”, sempre vejo coisas surpreendentes. Berlim é cidade da arte, cidade moderna, alternativa.

Quanto à pratica de reciclagem, os habitantes já têm integrado certos hábitos muito bons. Por exemplo, aqui você pode deixar tudo o que você já não quer utilizar na entrada do seu prédio. Assim os outros habitantes entendem que podem apanhar os objetos à vontade.

São essas pequenas ações que demostram a mentalidade e dão esperança. Mas a semana passada, me chamou a atenção uma escultura particular. “Fröhlicher Tucan” (tucano alegre). É um mural 3D impressionante, tudo feito de materiais reciclados.

O artista, Bordalo II, é de origem portuguesa e já tem criado uma série de animais gigantes reciclados em Lisboa (Portugal). Com a sua arte, quer provocar a nossa reflexão sobre o nosso modo de viver. As esculturas são feitas de objetos “fim do ciclo” encontrados em terrenos baldios, fábricas abandonadas ou doados por empresas que passam por um processo de reciclagem. A ideia de Bordalo II é retratar a natureza, em neste caso os animais, colocando justamente os objetos e materiais exatos que são responsáveis pela sua destruição. O resultado faz você para e pensar: “como é possível criar um animal tão lindo com para-choques queimados, pneus e aparelhos quebrados?”. E o mais importante: “como é possível não enxergar quanto os nossos hábitos destruíram o nosso meio ambiente?”

Essa escultura faz parte da exposição permanente “Urban Spree”, no centro RAW de Berlim. Recomendo aos que possam visitar este lugar e ver projetos interculturais e alternativos também apresentados nos bares, clubes e tem até uma parede de escalada para todo mundo se divertir. Antigamente, o complexo era uma estação de reparação de trens. Desde que essa atividade foi interrompida em 1999, a comunidade soube reutilizar os prédios para esse projeto. Onde há espaço, há criatividade e esperança.

Por Anja Grafenauer

 

 

 

Reartezar é um veículo de comunicação que contribui na educação sócio-ambiental, destacando diversas maneiras de reciclar materiais e reutilizar objetos.

Fale conosco

Reartezar

48 991-529-466
48 998-164-538